Ourique FM

Fique a saber quais os concelhos no Alentejo onde não se pode caçar

Fique a saber quais os concelhos no Alentejo onde não se pode caçar

Alentejo

É proibida a caça de perdizes, coelhos, lebres e codornizes, e também a caça às aves migratórias, como o pombo ou o tordo.

10 de novembro de 2017

 

Devido aos incêndios é agora proibida a caça de perdizes, coelhos, lebres, codornizes. Também a caça de aves migratórias, como o pombo ou o tordo, ficará com restrições extraordinárias, em 96 concelhos do país até 31 de maio.

 

No Alentejo, são os concelhos de Grândola, Santiago do Cacém, Gavião e Nisa, que estão entre os municípios onde o Governo estabeleceu restrições à caça.

 

 

No diploma publicado, pode ler-se que "durante a época venatória de 2017/2018 não é permitido o exercício da caça a qualquer espécie cinegética nos terrenos situados no interior da linha perimetral da área percorrida por incêndio, ou grupos de incêndios contínuos de área superior a 1000 hectares, bem como numa faixa de proteção de 250 metros".

 

Já no próximo ano, todas as zonas de caça associativa e turística em terrenos onde esteja proibida a caça, "ficam isentas do pagamento da taxa anual (...) proporcionalmente aos hectares, ou fração de hectare, afetados pela proibição de caçar, correspondendo às áreas onde não é permitido o exercício da caça na época venatória de 2017/2018".

No Ar